caveiras contadoras

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

A Erva de Bruxo Assassina




Beladona

 A beladona (Atropa belladonna) é uma planta pertencente ao gênero Atropa nativa da Europa, encontrada em solos úmidos, principalmente à beira de rios, florestas fechadas e lagos.

 Linnaeus, em 1700, denominou esta planta de Atropa belladonna, pois sabia que as mulheres na Itália utilizavam extratos de Atropa nos olhos para dilatar as pupilas de modo a ficarem mais belas, denominou-a de belladonna, o próprio nome beladona (belladonna - em italiano) significa “mulher bonita”. A esse nome, juntou o de Atropa, baseando-se em Atropos que era, segundo a mitologia grega, a divindade responsável pela morte das pessoas, sendo uma das três parcas que controlavam o destino (uma seria responsável pelo nascimento, a outra pelo prolongamento da vida, e Atropos, seria o responsável pelo corte do fio da vida).

A Atropa belladonna é largamente usada por feiticeiros e bruxas que usam desta planta como constituinte dos seus ungüentos voadores. Seriam posteriormente esfregados na pele e genitais causando alucinações e às vezes sensações de levitação ou vôo. A excitação sexual também era freqüente podendo mesmo ocorrer o orgasmo. Algumas feiticeiras, para adivinhar o futuro, tomavam, regularmente, pequenas quantidades de beladona via oral, sendo esta prática reconhecida como perigosa.

 O vinho dos bacanais, ou festas dionisíacas, estava freqüentemente adulterado com beladona, produzindo reações de histeria e alucinações nos participantes, tornando as mulheres mais propícias a estes atos.

 Sintomas

 Os sintomas de envenenamento de beladona são os mesmos que os da atropina, e incluem pupilas dilatadas, taquicardia, alucinação, visão borrada, garganta seca, constipação e retenção urinária. A pele pode secar completamente e os casos fatais mostram pulsos rápidos. Seu antídoto é a pilocarpina.

 Conhecimento da Erva

 O uso desta erva somente era concebido a bruxos de grande poder pessoal, o conhecimento era passado pelo elemental da planta que promoveria vários testes, caso houvessem falhas ou que o bruxo não tivesse o nível desejado pela planta ocorreria vários castigos, entre eles a morte.

 Obs.: Este texto é somente para uso do conhecimento, não incentivamos a prática do consumo, pois a erva pode levar a morte.

 fonte; bruxariatradicional.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ULTIMAS POSTAGENS

Postagens populares

Seguidores

Total de visualizações de página

MELHORES DO YOU TUBE

Loading...

Arquivos do blog

A TERRA E A LUA AGORA

Minha lista de blogs