caveiras contadoras

terça-feira, 31 de julho de 2012

Crânio Humano com Chifres


Descoberto em 1880

Sayre é um distrito localizado no condado de Bradford, Pensilvânia, 59 quilômetros a noroeste de Scranton. O ano exato não está claro, mas durante a década de 1880, um grande túmulo foi descoberto naquela cidade. Foi noticiado que um grupo de americanos descobriu vários crânios humanos e estranho ossos. Os esqueletos pertenciam a homens anatomicamente normais, com exceção das projeções ósseas localizado a cerca de dois centímetros acima das sobrancelhas, entendo-se que o crânios tinham chifres. As estruturas ósseas foram caracterizados como pertencentes a gigantes, com sete metros de altura. Cientistas estimam que os corpos tinham sido enterrados por volta do ano 1200.

A descoberta arqueológica foi feita por um grupo respeitável de antiquários, incluindo o Dr. GP Donehoo do estado da Pensilvânia dignitário da Igreja Presbiteriana; AB Skinner, do Museu Americano de Instrução e W.K. Morehead, da Phillips Academy, Andover, Massachusetts.

Não era a primeira vez que gigantescos crânios com chifres eram desenterrados na América do Norte. Durante o século 19, crânios semelhantes foram descobertos perto de Wellsville, New York e em uma vila perto de mineração para El Paso, Texas. Em um momento da história humana, chifres eram entendidos como sinais de realeza. Alexandre, o Grande, era representado com chifres em algumas de suas moedas.

De acordo com relatos históricos, os ossos foram alegadamente enviado para o American Museum, e investigados na Filadélfia. Contudo, os artefatos foram roubados e nunca mais vistos. Fotos dos crânios não existem, mas muitas pessoas afirmam a descoberta de ser um embuste.

Fonte: CONSELHO DE BRUXARIA TRADICIONAL NO BRASIL
http://www.bruxariatradicional.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ULTIMAS POSTAGENS

Postagens populares

Seguidores

Total de visualizações de página

MELHORES DO YOU TUBE

Loading...

Arquivos do blog

A TERRA E A LUA AGORA

Minha lista de blogs